Mostrando postagens com marcador Preços Mercado e Comportamento. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Preços Mercado e Comportamento. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 7 de julho de 2020

Uma Paixão Nacional, Destaque Mundial?!


Meu apreço pelo vinho nacional não é de hoje, em meu livro reúno dados históricos compilados de fontes diferentes e levo uma informação, apesar de já um pouco desatualizada ainda com bom teor. Bom teor, sim e com belas novidades!

foto: Mikaela Paim
Recentemente estive visitando duas vinícolas (e vale muito a pena as visitas), uma no interior de São Paulo; a Guaspari (recentemente condecorada com a medalha de ouro da *Decanter World Wine Awards 2017, pelo seu Syrah Vista do Chá 2014)  e outra em Minas Gerais; a Casa Geraldo.

terça-feira, 30 de junho de 2020

DEZcomplicando o Vinho

Nesse mês de Julho teremos uma série de 10 encontros ao vivo pelo Instagram, mediadas pelo Santucci, e com muitos convidados bem especiais.

Vamos falar de vinhos, Brasil, gastronomia,, teatro, TV e tudo o mais que acompanha bem uma taça!

 DEZCOMPLICANDO O VINHO


A primeira começa nesse 2 de julho com o Chef Paulo Gaudio.
Acompanhe o instagram para saber a programação dos encontros.



quinta-feira, 4 de junho de 2020

Lives - Onde fica o consumidor?


O mercado do vinho graças ao advento do isolamento entrou definitivamente no mundo das “Lives”.  Muitos, especialistas ou não, estão se aventurando nesse universo.  Empresas, sejam importadores, produtores, lojistas estão lá também representados por seus porta-voz, gerentes, diretores, sommeliers, embaixadores... 

Pude conversar com algumas dessas personalidades e acompanhei várias dessas transmissões.
Particularmente só fiz uma transmissão com o assunto vinho, porém já vinha lançando mão dessa prática bem antes desse momento, versando sobre o assunto que me move: Marca Pessoal.

Ocorre, não só no vinho, parece não haver um entendimento sobre os objetivos dessa ação, e muito menos sobre a mídia utilizada. De forma generalizada as lives tratam apenas de um bate papo com plateia, habitualmente ignorada.

terça-feira, 7 de abril de 2020

Rosés, Whatsapp, Coronavirus - Precisamos aprender a se comunicar de novo com um novo consumidor!

Venho falando sobre como dar um rumo mais positivo ao mercado de vinhos desde o advento do coronavirus, covid19. Sabemos que bebemos mais durante as crises, a hora então é de intensificar as ações de marketing direto, uso das mídias e dos apps, pois, já comprovadamente vem surtindo efeitos.
Marcelo Copello respeitado colunista, a quem admiro de longa data, publicou em seu blog um artigo ainda mais explicito, trazendo dados e opiniões do setor (veja).

Dois momentos nos mais recentes: “O Vinho da Semana”


No vídeo acima além de trazer o emblemático Rosé Piscine abordo na prática o uso dos meios de comunicação para fazer chegar o vinho em casa.

terça-feira, 24 de março de 2020

Wine Weekend 2020 - Informativo

O já tradicional evento "Wine Weekend" entra em sua 11ª edição neste ano.

Costumeiramente ocorre no final de junho, no entanto por conta dos acontecimentos recentes e as determinações de saúde e governamentais, a organização do evento postergou para a data de 13 e 16 de agosto de 2020, mantendo o local, o Pavilhão da Cultura Brasileira, no Parque do Ibirapuera, zona sul de São Paulo.

Particularmente gosto muito do formato do evento, uma "feira para consumidor". Os expositores estão lá para informar, descomplicar e ainda oferecer boas dicas a bons preços.

Para se ter uma ideia, ano passado, passaram pelo evento cerca de 40 mil pessoas, mais de 80 expositores, expondo algo em torno de 2.000 rótulos de vinhos, além de acessórios, alimentos e outras bebidas.

terça-feira, 17 de março de 2020

E O VINHO EM TEMPOS DE CORONAVÍRUS?


Já havia escrito aqui que em tempos de crise se bebe mais (leia), mas desta vez a questão é se deslocar, se aglomerar...
Já percebemos o impacto desta pandemia em diversas áreas do comércio, serviços, restaurantes e ainda temos pouca ideia quais mais efeitos afetaram nossas vidas e a economia.
Em alguns países europeus os governos estão se antecipando e gerando benefícios para autônomos, pequenos negócios, desde o apoio financeiro até diminuição de taxas, impostos, bancos abrindo negociação de dividas com juros e prazos maiores.

Mas, e o vinho?

domingo, 1 de março de 2020

Palestras "Descomplicando o Vinho" e "Por Trás da Marca"

Nesse próximo 10 de Março às 18:30 estarei ao lado de Carla Rabelo com sua "Sustenta Habilidade Humana" no Teatro Giostri para realizar duas palestras:"Descomplicando o Vinho" e "Por Trás da Marca" .
Além do conhecimento adquirido ao adquirir o ingresso o participante ganhará o livro "Descomplicando o Vinho".
Veja mais em: falapalestrante.com.br/eventos/







Por Trás da marca - "Descomplicando o Vinho"


Por Trás da Marca -  Como vender  mais produtos, serviços e ideias a partir da marca pessoal.
(*) Lançado em outubro de 2019
No final de 2019 estreei a palestra Por Trás da Marca, mesmo tendo lançado o livro "Sucesso é o Caminho"(*) quer era a ideia inicial de palestra, algumas pessoas bem próximas sugeriram que deveria alinhar a palestra com minha carreira no vinho. O assunto está na mesma linha porém o eixo central passou a ser as marcas que criei ao longo dessas duas décadas no mercado.

Na palestra conto minha própria história, utilizando exemplos do universo do vinho e da personalidade do rei do Futebol, assim a palestra é criada numa atmosfera bem humorada e com conteúdo relevante para o desenvolvimento pessoal e o “Personal Branding”, a marca pessoal, do século 21 no Brasil.

sexta-feira, 10 de janeiro de 2020

Entrevista BandNewsFm


Hoje pela manhã na BandNews ES, falamos sobre o lançamento da 2ª Edição do Descomplicando o Vinho, dicas de vinhos para o verão, além da palestra "Por trás da Marca".

Acompanhe:

quinta-feira, 2 de janeiro de 2020

Mesma Prática = Resultados Medíocres

Há três dias publiquei o texto abaixo na página do instagram:


reprodução do instagram
"Esta é a segunda vez que vamos à @cantinadirene do chef @marceloynagata, de fato a gastronomia mantém sua qualidade e +justos, atendimento da brigada excelente, no entanto a prática para os vinhos ou denota a falta de interesse pelo assunto ou não se importa com a satisfação do cliente.
A carta é de uma única importadora (@domno_importadora), nenhum vinho conhecido do grande público e principalmente se pensarmos numa cantina de bairro, nenhum também na faixa dos $50, preço razoável para clientes de cantina, e o pior o vinho que escolhi, não tinha (Namaqua Pinotage). Uma pena, a prática de vender a carta a um único fornecedor é antiga e não inteligente!"

Jamais passa pela cabeça a crítica pela crítica ou a reclamação vazia, do tipo "não gostei". Gosto da ideia (recente) da crítica produtiva, quando é possível fazer uma critica e apontar soluções. 
Nesse caso especifico não há nenhuma nova ideia, apenas entendia há muito tempo que não era mais possível ter bons resultados utilizando a prática fornecedor 100%. Historicamente, cerca de 2 décadas atrás, o mercado tinha poucos importadores e um gigante, assim para ele manter a concorrência longe oferecia-se muitas vantagens em troca de exclusividade dos vinhos oferecidos em um restaurante.
O que oferecia? Desde a simples confecção da carta de vinhos, adegas climatizadas, produtos consignados e até dinheiro, em espécie. 


A prática ainda persiste, apesar da estupidez! É estupido, pois o restaurante fica amarrado a um fornecimento que dita as regras, de prazo, de entrega e habitualmente com um contrato ameaçador. Para o fornecedor, pois corre o risco do estabelecimento não seguir adiante, não conseguir cumprir o acordo, ou simplesmente mudar de ideia, digamos porque a sociedade mudou.

sexta-feira, 8 de novembro de 2019

Geração CsP – Colher sem Plantar!

por Alexandre Santucci, nov 2019

Neste ano chego ao 25º ano ligado ao mundo do vinho. De fato percorri um longo caminho com passagem por importantes e respeitadas empresas desse segmento. Trabalhei com importadoras, produtores nacionais, brookers, lojistas enfim atuei praticamente em todas as frentes.
Carrego em minha história um saldo amplamente positivo, digno de orgulho. 

Na Expland importadora, onde iniciei em 1995 era apenas um jovem com sonhos e ambições, não exatamente de ficar rico, mas de construir uma carreira. Essa empresa me deu a oportunidade de ampliar horizontes, adquirir conhecimento, viajar, conhecer pessoas e crescer. Junto com colaboradores criamos uma estratégia que nos levou do US$ 0,00 aos US$ 4 milhões em um ano e meio. Parece muito não é? E era sim.  No shopping onde estava essa unidade chegamos a incrível marca de sermos responsáveis pela metade do fluxo de pessoas durante quase um ano. Anos mais tarde criei o Descomplicando o Vinho e pela importadora que trabalhava rompemos o status quo e fomos o primeiro importador brasileiro a praticar preços em Reais, uma estratégia bastante ousada que não parava por aí, mas também passamos a modelar a forma de praticar preços possibilitando a vendas nos 3 canais de atendimento: Consumidor Final, on e off Trade.

O Brasil não é um país fácil para negócios dessa natureza, jamais foi fácil vender vinhos,

sexta-feira, 1 de novembro de 2019

Pró-Vinho - FGV

por Alexandre Santucci, nov 2019

Há tempos esperava por um evento como esse.
Confesso minha omissão e um certo desanimo com esse mercado, mas vi minhas forças e esperanças renovadas.


Muito bem organizado, belas escolhas dos palestrantes e palestras,  e uma mediação gentil e pontual da sempre elegante Suzana Barelli.

Na mesa e palestras estavam presentes: Ari Gorenstein (Evino), Felipe Galtaroça (Ideal Consulting), Adilson Carvalhal Junior (Abba e Casa Flora), Luciana Salton (Vinícola Salton), Rodrigo Lanari (Winext), Juan Antonio Rojas (Icex) e Carlos Cabral (Grupo Pão de Açúcar).
Bem representadas as frentes desse mercado, sentida apenas a ausência de um representante associativo do vinho nacional.


A mescla envolvendo educação, economia e o mercado do vinho foi muito bem manejada.
Uma bela iniciativa de Paulo Lemos e Valdiney C. Ferreira (FGV) e  Márcio Marson ( Pró-Vinho), que nos faz ver perspectivas para o mercado brasileiro do vinho, não só de crescimento em organização, mas princialmente em se profissionalizar.


quarta-feira, 3 de julho de 2019

O Fator X do Mercado do Vinho no Brasil e seu Preço


Quantas vezes ao abrir uma garrafa de vinho você pensou: como esse vinho chegou aqui?
Obviamente ele foi adquirido por você mesmo ou um presente, mas e até ele chegar à loja onde ele foi adquirido?

Por que um vinho no Brasil tem um preço tão diferente (a maior) que quando consumido no seu país de origem, ou mesmo em outros países como Estados Unidos ou até o Paraguai.
Não são só impostos e taxas, mas muito o Mercado!

O caminho do vinho e de muitos outros produtos é semelhante, mas o vinho é um produto artesanalmente industrializado. Mesmo os grandes produtores dessa indústria não conseguem dizer que ”fabricam” o vinho. Você não consegue juntar peças ou criar uma mistura sintética para fazer um vinho, o produto é resultado de um processo e a principal matéria prima é simplesmente a fruta, se a uva não estiver com as condições adequadas para produzir, não teremos sequer um vinho quem dirá um bom vinho!

quarta-feira, 24 de abril de 2019

PERMONT ENOTECA


Passagem rápida para conhecer o novo espaço do amigo do vinho André Montanari.
Um super bom gosto dos sócios Celene Peralta e o próprio André,  num lugar que anteriormente abrigou uma marcenaria.

Mega ambientando, extremo cuidado em todos os detalhes e em uma seleção de vinhos atrativa que é acompanhada por tapas (mas que brevemente deve receber um menu de massas e risotos), além de mini-cursos, wine dinners e degustações.
São três níveis de pavimentos, com um terraço que pede as mais diversas formas de eventos.


Funciona de terça à sábado e além dos vinhos disponibiliza, no empório,  queijos, azeites, massas, temperos, funghi e tartufo.


PERMONT ENOTECA 
Rua Laura, 494 - Bairro Bela Vista - Santo André.
Fone: (11) 3593-2555


santucci #descomplicandoovinho #lojaespecializada #emporio #santoandre #centrodeconvencoes #eventodevinhos #vinho #winedinner #gastronomia

segunda-feira, 21 de janeiro de 2019

Espumante de Cerveja? A primeira Cerveja Brut do Brasil!


Acordar às 6:30H em pleno sábado parece covardia, mas lá estava eu de pé para dirigir-me a uma experiência bem interessante: conhecer uma cerveja artesanal finalizada como espumante, ou até poderia dizer uma espumante de cerveja.

Confesso que histórias como essa me fazem sair de casa com muita alegria e não é que o destino, o que não pensava, era uma vinícola? Imaginei que visitaria a linha de produção da cervejaria Paulistânia, mas não, fui até São Roque, rota do vinho, precisamente na quase centenária Goés. 
Um passeio bem animado com quase toda equipe da Bier & Wein, estava ali, para prestigiar o lançamento da Paulistânia X (10), em comemoração aos 10 anos da marca, vendas, marketing, logística, etc. e os mentores da ação e do produto: Sr. Roberto Stein (Diretor), Eryck Machado (Gerente de Produto) e o autor, o mestre cervejeiro Wilson Junior.
Chegando a vinícola reencontro um velho conhecido Fábio Goés o enólogo responsável pelos vinhos da vinícola e também coautor desse projeto muito bem elaborado.

Saber dos movimentos da vinícola, o lançamento do Cabernet Franc (que tinha visto recém-plantado há cerca de 10 anos) com o nome Philosophia, o uso da poda invertida, deixou-me bastante animado, mas como assunto era Cerveja fomos, depois de sabrada pelo gerente de Vendas Alexandre Guerra (uma figura, super bem humorado), conhecer e degustar a cerveja.

terça-feira, 6 de novembro de 2018

Bardega, entre umas e outras!

por: Alexandre Santucci

(arquivo pessoal)
Assim como ao avaliar um vinho, ou produtor, gosto de saber sua história, sua continuidade, prefiro falar de um local quando ele evolui e resiste ao tempo.  
Esse é o caso do Bardega, aberto desde 2012, o wine bar que leve o nome indicativo "da adega ao bar" utiliza o sistema de prova de vinhos em uma carta de cerca de 100 rótulos, passeando pelos principais países produtores e até alguns inusitados como o Líbano. Em doses de  30, 60 ou 120 ml, você mesmo se serve em umas das máquinas wine server Enomatic, basta escolher o vinho,  inserir um cartão (que recebe ao chegar) e selecionar uma das 3 opções.

quinta-feira, 1 de novembro de 2018

Oficina de Pizzas e Matterello - Degustando há tempos!

Degustação Matterello 2004 - Arquivo Pessoal

Há algum tempo o Matterello encerrou suas atividades, se não me engano em 2012, porém minha lembrança do restaurante com arquitetura assinada por Vitor Lotufo, suas garrafas nas paredes, seus arcos, uma comida sensacional com destaque para o bocconcini, uma excelente adega, e toda ambientação que favorecia o vinho, não sai da cabeça.




terça-feira, 30 de outubro de 2018

Ofertas de Vinho e outras ofertas...

por: Alexandre Santucci


Há alguns instantes recebi a mensagem de uma amiga pedindo indicação de vinhos BBB (não do big brother, mas Bom, Bonito e Barato).
Quem me acompanha sabe que bebo vinhos sem descriminação, já bebi os mais caros do mundo e também os mais baratos, por puro diletantismo (o que mais acontece) ou exclusivamente por força do trabalho. Por isso também que acabo recebendo, com alguma frequência, essa demanda. Curioso é que na sequencia ela me diz receber, semanalmente, ofertas de vinhos e kits, mas que desconfia (da qualidade) por conta dos “espetaculares” descontos...
Quem, dos que gostam e compram vinhos, não recebe essas ofertas, por e-mail ou pelas mídias sociais?
Particularmente acho até engraçado, mas de fato é vergonhoso!

segunda-feira, 24 de setembro de 2018

Grande Prova de Vinhos do Brasil 2018



Reconhecidamente a maior prova, às cegas, de vinhos brasileiros disponíveis no mercado estabeleceu um espetacular recorde de 920 amostras (872 vinhos e 48 sucos de uva) de 117 vinícolas, incluindo a já comemorada e excelente safra de 2018.

Em sua 7ª edição a Grande Prova Vinhos do Brasil foi realizada de 27 até 30/08, somando cerca de  32 horas trabalho para 26 jurados reunidos no Hotel Vila Galé, na Lapa, no Rio de Janeiro.

Marcelo Copello, curador, um dos organizadores do evento e presidente do júri declara: “É notável como o crescimento de participação traduz a evolução do mercado. Não apenas em números, mas também em qualidade e apreço e reconhecimento do consumidor”, especialmente se pensarmos que em sua primeira edição, no ano de 2012, eram 284 amostras.

terça-feira, 5 de junho de 2018

Dia dos Namorados Elegante

O dia dos namorados é sempre uma data especial. Os apaixonados, no entanto, muitas vezes têm dificuldade em escolher presentes criativos e diferentes.
Quando um ou os dois são apaixonados também por vinho, a lista é grande, mas tendo em vista a infinidade de rótulos disponíveis no Brasil, podemos presentear o ano todo, assim o que fazer de diferente na data?

Uma bela sugestão são os bombons e diversas criações da Chocommelier, uma loja em Pinheiros capitaneada pela publicitária Mariana Triveloni (que largou a carreira numa multinacional para se dedicar a duas paixões: chocolate e vinho).
O conceito é o mesmo para qualquer harmonização, mas vai além do vinho, vai com café, destilados e até azeite.