sexta-feira, 13 de julho de 2018

A Copa nos Copos!

Nesse dia 15 de julho teremos mais um campeão do mundo no futebol. Em campo Croácia X França e apesar de todo favoritismo dos “Les Bleu” liderados pelo jovem camisa 10 Mbappé a Croácia dos Vatreni (Ardentes) com o grande Modric tentarão superar a técnica pela garra e uma bela disciplina tática.

Mas, o que o Santucci quer com isso no Descomplicando o Vinho?
A paixão pelo vinho e o entusiasmo que nos causa o mundial.



Em 2010, às vésperas da final da copa do mundo da África publiquei aqui e no jornal “A Tribuna” o artigo “Os Campeões do Mundo e o Vinho” e parece que a tese permanece: todos os campeões do mundo são produtores de vinho. Da França sabemos e bebemos muito de seus vinhos, já a Croácia mesmo tendo um histórico de cerca de 2.500 anos como produtor, poucos vinhos chegam aqui, muito provavelmente por ser um país eminentemente produtor de vinhos brancos (cerca de 75% da sua produção), mas com um belo tinto feito com a uva nativa: Plavac Mali, parente da Primitivo. A proximidade geográfica com o sul da Itália promove essa semelhança também em sabor quando comparamos aos vinhos da Puglia.

Quem ganha?
Enfim, independente do estilo, ou do tipo, uma certeza: continuaremos a nos beneficiar com seus belos vinhos.
Ah, no futebol?
Bem, por mais quatro anos não teremos outro campeão do mundo fora dos produtores de vinho, mas minha torcida estará na garra e alegria dos croatas, que tem um jogador que muito nos representa: Vida!

Quem ganhar celebrará com seus vinhos nacionais e bradarão :
 “nazdravlje” ou santé”!
A todos: Saúde!


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...