segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

A Boca Brasileira


Semana passada tive a oportunidade de participar de alguns dos importantes encontros que se sucederam.
Ainda no programa tecemos alguns comentários sobre a grande oferta de degustações, almoços e jantares em prol do vinho. Estive em dois, um sobre vinhos franceses, especificamente Champagne, Bordeaux e um eletrizante Sancerre, que há muito não degustava com tanta elegância, outro sobre Piemonte e o belo produtor Batasiolo.

As impressões que me ficam, além dos vinhos muito interessantes e particulares, são as constatações observadas diante dos degustadores, a maioria profissionais do assunto. Comentei com alguns que o brasileiro ainda tem uma boca mais pueril, normalmente preferimos os vinhos prontos para beber, vinhos que estejam no seu auge de juventude e da sua fruta. Alguns concordaram outros contemporizaram, mas pude perceber que há uma verdade nisso.
Para se ter uma ideia, bebemos um dos grandes Barolos disponíveis no Brasil, o Corda Della Briccolina, um vinho impecável, além de restrito (se produz apenas nove mil garrafas) e também o Barbaresco, evidentemente todos da vinícola Batasiolo, e qual foi o resultado?: o Barolo é melhor, mas o Barbaresco está muito agradável e pronto para beber (impressão que eu mesmo tive).

De fato isso acontece na maioria dos casos onde se produzem um grande vinho que tem seu segundo vinho, ou seja, um vinho mais jovem e pronto para beber mais cedo, como o Brunello di Montalcino, que tem seu segundo vinho, o Rosso di Montalcino, feitos com a mesma uva, mas vinificado para ser bebido mais jovem, com o sabor da fruta bem presente e marcante.

Destaque - Vinhos Degustados:


Da Importadora Vinho Sul www.vinhosul.com.br
Champagne R.Pouillon e Fils Carte Blanche 1er Cru Brut - 100% Chardonnay, um espumante de muita classe. (VQP) - R$ 215,15
Champagne R.Pouillon e Fils Fleur de Mareuil (Brut Nature) 1er Cru - Um Nature (50% de Pinot e Chardonnay), trata-se de um vinhos espimante dos mais interessantes que provei recentemente. Amplo e aromático, com muita estrutura e equilibrio. R$ 313,47
Sancerre 2010 - Um vinho de Benoit Valerie Calvet, com a participação do experiente Jacques Lurton, 100% Sauvignon Blanc. Vivo e intrigante, com aromas cítricos e paladar tipico e intenso. Uma delicia (VQP)!- R$ 83,17
De Bordeuax vieram: Bordeaux Supérieur 2009 (Tipico e interessante); Gulliver (corte tipico, presença marcante de taninos, um vinho gastronomico) e L'Orangerie de Ferran (segundo vinho do Ch. de Ferran, de Pessac Leognan - um exemplar maravilhoso, que mostra o que gostamos, fruta, intensidade e bons taninos) VQP - R$ 116,50

Da Max Brandswww.mxbrands.com.br
Batasiolo Sovrana DOC 2007 - 100% Barbera, um vinho rico, cheio e fresco - VQP - R$ 77,00
Batasiolo Barbaresco DOCG 2006 - 100% Nebbiolo, muita tipicidade, intensidade, taninos longos e aveludados, uma delicia. VQP R$ 130,00
Batasiolo Barolo Corda Della Briccolina DOCG 2004 - 100% Nebbiolo, vinificado em barrica, é um vinho maravilhoso, persitente, balanceado, ainda rico em frutas já maduras, pronto para beber ou esperar cerca de 10 anos. R$ 438,00


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...