segunda-feira, 13 de outubro de 2008

Surpresas Raras


Trago a tona, assuntos que fogem da ordem "normal" do mundo do vinho:
Dois vinhos feitos em regiões onde não há notoriedade como produtores, mas que já foram muito importantes: LIBANO (provavelmente o berço do vinho) e MARROCOS (que sofreu grande influência por sua colonização francesa, no inicio do século passado).

Outra surpresa me ocorreu na sexta-feira 10 de Outubro, a adega do Durski - um grande achado. 


Do Libano, gostaria de falar do Chateau Kefraya, com vinhos exuberantes que lembram o sudoeste francês, mas com algo que marca sua região: o vale do Bekaa (indicado por alguns historiadores como o berço do vinho). 
O vinho: Conte de M 01 - O vinho Top do Chateau Kefraya, simplesmente magistral. Um assemblage (60% Cabernet Sauvignon 20% Syrah 20% Mourvèdre), de cor vermelho bem escuro, um complexo bouquet de ameixas pretas maduras, tabaco, madeira e especiarias. Muito potente na boca, revela uma deliciosa textura: robusto, cremoso, taninos elegantes.

Do Marrocos, temos o Kahina (50% Grenache/50% Shiraz) : 
Uma excelente surpresa até para Robert Parker. Um vinho suculento, intenso. Do mesmo proprietário do Château Pape Clément, Bernard Magrez, que realizou um vinho no norte da África a partir das uvas Grenache e Shiraz, e com apenas 8km de extensão conseguiu criar uma denominação: a Guerrouane. Um vinho que vale muito.



Do Brasil, em Curitiba, fica a Adega do restaurante Durski, comandado pelo chef
 Junior Durski e o sommelier Ferlin na adega. Realmente maravilhoso o que vi por lá, além de um amplo cuidado
 com a qualidade dos ingredientes para a cozinha e para o serviço, incluindo belos azeites extra-virgem, o nível de escolha dos vinhos é surpreendente. Começando por Champagne, sim a região que produz espumantes celebres e imortais, acredito que é a mais completa carta de Champagne que eu vi: Cristal, Krug, Don Perignon e outras menos conhecidas mas igualmente grandes escolhas. Agora os amantes de bons e raros vinhos não podem perder a oportunidade de conhecer essa adega, com rótulos de vinhos excepcionais das mais variadas safras e algumas muito antigas, principalmente de grandes chateaux, como Lafite, Mouton, Cheval Blanc, Yquem entre outros. São mais de 1.200 rótulos à disposição do cliente do restaurante, mas que também podem ser adquiridos como uma loja.
Rua Jaime Reis, 254 - Curitiba - PR - www.durski.com.br




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...